É muito necessário matricular meu filho em uma escola bilíngue ainda enquanto criança?

É muito necessário matricular meu filho em uma escola bilíngue ainda enquanto criança?

Vou te responder que vai depender o caso. Seu filho não precisa de uma educação bilíngue desde que você acredite que o mundo é o mesmo desde que éramos crianças e que continuará sendo o mesmo quando sua criança se tornar adulta. A globalização é um fenômeno social real e extremamente acelerado. Há 10 anos atrás, achávamos o máximo tirar fotos com o celular, não precisar mais de andar com um mp3 player para ouvir nossas músicas e até ver vídeos no celular. Hoje fazemos edições de vídeo, diretamente no celular, ter acesso a pessoas de qualquer lugar do mundo, fazer amigos, negócios, cursos, fazer chamadas de vídeo do outro lado do mundo para mostrar um lugar bacana para pessoas queridas, enfim.

Atualmente, hoje muito mais que ontem, e com toda certeza muito menos que quando nossos pequenos se tornarem mulheres e homens responsáveis pelos seus próprios caminhos, o mundo está conectado. Com essa facilidade de acesso à oportunidades que vão muito além do turismo, que vão desde a educação informal à educação formal e oportunidades profissionais, não oferecer às suas crianças a oportunidade de se comunicar na língua mais falada e ofertada no ambiente acadêmico e profissional é trancar portas que podem ser abertas. É limitar o potencial das crianças, que pode ser projetado em uma escala global para os quatro cantos do mundo ou pode ser limitado aos países que falam língua portuguesa. Não que haja algo errado com nossa língua, que é tão rica e maravilhosa. No entanto, estamos falando de limites que podem fazer toda a diferença no futuro dos pequenos de hoje.

Mas por que tão cedo? Existe uma janela natural de desenvolvimento de linguagem em todo ser humano em desenvolvimento. O ser humano é um ser adaptável e tem a capacidade de aprender qualquer idioma ao qual ele tiver exposição. A formação do cérebro de uma criança não para no nascimento e a fatia responsável pelas habilidades de linguagem e comunicação se desenvolve a partir dos 2 anos de idade, que é quando as crianças conseguem formar suas primeiras frases completas, mesmo que curtas. De acordo com pesquisadores das universidades de Kings College em Londres, e da Brown University em Rhode Island, nos Estados Unidos, que estudaram 108 crianças com desenvolvimento cerebral típico, a substância responsável por proteger o circuito neural, a mielina, só é fixada a partir dos 4 anos de idade. O que quer dizer que o cérebro humano se adapta ao meio em que está inserido e só a partir dos 4 anos de idade essa distribuição é finalizada. Por isso, é comprovado que uma criança que aproveita essa janela para aprender um novo idioma, terá muito mais facilidade em desenvolver habilidades comunicativas neste do que pessoas que iniciam o processo de aprendizado posteriormente.

Paulo Cezar Cunha

Diretor Pedagógico da Rede Uptake Idiomas.

Voltar para Novidades